saopaulo.sp.gov.br
Instituto de Tecnologia de Alimentos

Ital na Mídia
Avicultura Industrial
Embalagens termoformadas prolongam o tempo de prateleira em produtos cárneos
Praticidade e manutenção da cor vermelha da carne estão dentre as vantagens do uso

Por Jaqueline Harumi | Postado em 09/04/2020 09:00:32 | Atualizado em 09/04/2020 16:35:46

As embalagens termoformadas podem ser ajustadas aos alimentos, rígidas ou semirrígidas, feitas de plástico e compostas por duas partes – ambas de filme, ambas rígidas ou uma combinação de rígida e flexível. "Em geral são embalagens com reduzida profundidade, como bandejas com diferentes formatos e potes. Contudo, também existem embalagens com termoformação profunda como as utilizadas nas peças de presuntos e outros produtos similares", conta a pesquisadora Léa Mariza de Oliveira, do Centro de Tecnologia de Embalagem (Cetea) do Instituto de Tecnologia de Alimentos (Ital).

Esse tipo de embalagem traz muitas vantagens, principalmente no acondicionamento de produtos cárneos. "Uma das vantagens é a conveniência devido à praticidade no uso. No caso das embalagens termoformadas semirrígidas, o contato entre o produto e as paredes da embalagem dificulta a perda de líquido por parte do produto e minimiza o espaço livre, o que contribui positivamente para a vida de prateleira do item acondicionado", afirma Léa.

Confira a matéria completa na edição 1296 da revista Avicultura Industrial