Em atendimento à legislação eleitoral, notícias e destaque de publicações em redes sociais não ficarão disponíveis neste site de 2 de julho até o fim da eleição estadual em São Paulo.

Solicite um Orçamento

Notícia
Processo Seletivo
Ital oferece bolsa de pós-doutorado focada em elementos inorgânicos em alimentos
Candidatos podem se inscrever até 25 de abril no processo seletivo do órgão da Secretaria de Agricultura e Abastecimento de SP

Por Jaqueline Harumi | Postado em 13/04/2022 16:30:54 | Atualizado em 13/06/2022 09:04:55

Laboratório de Inorgânicos do CCQA/Ital (crédito: Antonio Carriero/Ital)

O Instituto de Tecnologia de Alimentos (Ital), vinculado à Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (Apta) da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, está com inscrições abertas até 25 de abril para o processo seletivo de uma bolsa de pós-doutorado voltada para o desenvolvimento de projeto de pesquisa alinhado ao tema “Elementos inorgânicos em alimentos: estudos inovadores em micronutrientes e/ou contaminantes inorgânicos”. O selecionado atuará no Centro de Ciência e Qualidade de Alimentos (CCQA) do Instituto, localizado em Campinas.

A bolsa está vinculada ao Plano de Desenvolvimento Institucional de Pesquisa (PDIP) do Ital, com financiamento da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), e terá duração até março de 2023, com valor mensal de R$ 8.479,20 isento de imposto de renda e reserva técnica de 15% do valor anual.

O candidato deve ter doutorado em Ciência de Alimentos, Tecnologia de Alimentos, Química ou áreas afins finalizado há menos de sete anos, com graduação em Ciência de Alimentos, Biologia, Bioquímica, Engenharia de Alimentos, Química ou áreas afins e conhecimento da língua inglesa para leitura, redação científica e conversação, além de produção científica em periódicos indexados.

Também é necessário ter experiência comprovada em pesquisas em áreas relacionadas a ciência de alimentos e química de alimentos, estudos de elementos inorgânicos em alimentos, estudos de bioacessiblidade e/ou biodisponibilidade in vitro de minerais e/ou contaminantes inorgânicos em alimentos e técnicas espectrométricas. Além disso, é desejável experiência em difusão e transferência de conhecimento técnico-científico e coorientação de estudantes de graduação, mestrado e/ou doutorado.

Além de desenvolver o projeto de pesquisa ao qual a bolsa está vinculada, o candidato aprovado deverá auxiliar na orientação e coorientação de alunos, colaborar com pesquisadores do Ital no desenvolvimento de outros projetos e auxiliar na redação e revisão de trabalhos científicos do grupo de pesquisa e na transferência de tecnologia e conhecimento.

Confira o release também nos sites da Apta e da SAA